Rio de Janeiro, Direitos Humanos e Pena de Morte

Não adianta. O assunto do momento é o caos no Rio de Janeiro.

Os bandidos tomaram conta da cidade, espalhando pânico e insegurança. Carros foram incendiados. Pessoas se esconderam em suas casas. Run to the hills.

O grande momento até agora foi a imagem do GloboCop onde a polícia, literalmente, botou os bandidos pra correr. Um chegou a ser baleado.

É sobre esse momento que eu quero falar.

Eu duvido, vejam bem, DUVIDO que algum brasileiro que viu aquilo não tenha pensado algo do naipe “por que não metralharam?”.

Mas ok, tem pessoas que são daquela velha filosofia dos Direitos Humanos.

Acho bacana os tais direitos humanos. Servem pra proteger vagabundo e não deixar linchar estuprador de criancinha. Os direitos humanos nunca batem na porta de uma corporação gigantesca que deixa seus funcionários doentes com tanta exploração. Mas se alguém fala em pena de morte, pode escrever: os direitos humanos estarão lá.

Esses caras que estão promovendo esse showzinho no Rio, com patrocínio exclusivo da galera que curte “ficar louco” de vez em quando, já mostraram que não se importam com a vida. De ninguém. Nem minha, nem sua, nem deles mesmos. Então, eu pergunto: Por que poupar as vidas dessas pessoas que matam? Se é para defender a vida, eu desafio a botar no papel:

Vida do Bandido = 1

Vidas eliminadas pelo bandido = X

Sendo que X > 1, muito mais vidas seriam poupadas com a eliminação desse cara do que com os direitos humanos.

Onde eu quero chegar com isso é em um ponto crucial: está mais do que na hora de esse país debater a pena de morte. Debater de forma séria, com argumentos sólidos, sem romantismos ou fundamentalismo religioso.

A regra é simples: Quem morre não mata mais ninguém.

O Brasil tem medo de discutir isso.

Só não me perguntem o porquê.

Anúncios

5 responses to this post.

  1. Colocando em dia a leitura do blog…
    =D

    Bem, Marcel, nao se tem muito o que falar, realmente, não tem um brasileiro que tenha visto a cena e pensado exatamente isto: “Pq não aproveitaram isso e acabaram com tudo de uma vez só!”
    Mas, sobre a pena de morte. O grande problema no Brasil é que temos a pena de morte apenas em caso de guerra declarada, conforme o art. 84 XIX da CF.
    Sem contar que de acordo com o art. 5º da CF a pena de morte não poderia ser instituida. Somente se convocada uma assembléia constituinte pelo fato de ser uma cláusula pétrea.
    E, como muitos juristas acham que seria um retrocesso, torna cada vez mais difícil de acontecer.
    Sem contar que a grande maioria dos países que ainda mantem a pena de morte, sofrem duras críticas de outros, mas isso já é assunto para outro coment.

    Responder

  2. Enquanto a lei brasileira proteger mais os bens materiais do que a vida humana, não tem como implementar pena de morte!
    Vai morrer só os ladrões de galinha, e não os colarinhos brancos, os pedófilos, e muito menos os traficantes assasinos.

    Responder

  3. Primeiro: Texto muito foda !!! Curto e objetivo !!! Verdadeiro !!! Com uma lógica tão ácida que por mais vergonha que tenhamos de admitir… Não tem como agir diferente. 100% Apoiado !!!!
    Ah, em relação ao comentário do rapaz e a resposta:
    Mais uma vez apoio os dois… O exemplo que o Rafael deu e a resposta citando a reincidência. Perfeito !!! É isso aí !!!
    E ah… Tinham que ter metralhado mesmo !!! #FATO

    Responder

  4. Tem cara que ficou preso DOIS ANOS, por crime que não cometeu e com o verdadeiro criminoso foragido DEPOIS de confessar o crime. Mesmo depois de solto, o cara ainda tinha que se defender no processo e enquanto esse não acabasse ficava com o “carimbo” de “ex-detento por roubo”, ou seja, fica com seus direitos limitados.

    Tu acha que não iriam matar gente inocente? Tenho certeza que sim.

    Sou contra a pena de morte. Não resolve o problema.

    O que resolve o problema é aplicar as leis que existem, independentemente de quem for.

    Lembra do “Índio Galdino”?

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: